Forgot your password?

We just sent you an email, containing instructions for how to reset your password.

Sign in

  • Estava acontecendo ontem a noite. Foram muitos gritos e lágrimas. E eu emudeci. Quieta cheguei, quieta fiquei. Passei a noite toda assim, sem tomar uma posição com medo de errar. No meu canto, calada, só observava. Já pela manhã, refletindo o ocorrido, percebi que tinha fugido para mim mesmo.
    O ser humano sempre faz isso, sempre acha um "refúgio" dentro de si mesmo. Nas horas mais atribuladas, sabe que é melhor falar a sós, com sua razão e pedir silêncio a emoção. O porque de ficar quieto? Simples. Fugimos da realidade correndo para dentro de nós mesmos. Afinal, não a quem nos entenda melhor.
    • Share

    Connected stories:

About

Collections let you gather your favorite stories into shareable groups.

To collect stories, please become a Citizen.

    Copy and paste this embed code into your web page:

    px wide
    px tall
    Send this story to a friend:
    Would you like to send another?

      To retell stories, please .

        Sprouting stories lets you respond with a story of your own — like telling stories ’round a campfire.

        To sprout stories, please .

            Better browser, please.

            To view Cowbird, please use the latest version of Chrome, Safari, Firefox, Opera, or Internet Explorer.